Estamos na primavera e esta é a época que mais gosto no ano, pois o clima é ameno nem tão quente nem tão muito frio. 

 

Como estamos muito próximo do verão vale começar a lembrar para aqueles que ainda não fazem uso de protetor solar a começar oquanto antes.
Hoje o nosso post é a fotoproteção sistêmica.
 
 
 
 
 Então a fotoproteção oral é uma expressão utilizada para designar o uso isolado (sozinho) ou combinado de diversos ativos inclusive o uso em creme capaz de diminuir os danos provocados pelo sol.
 
 
 
 
Os protetores solares tópicos são considerados uma fotoproteção bastante efetiva, mas se sabe que hoje em dia eles não são suficientes para o bloqueio completo da radiação. Devido ao método de uso, como: pouca quantidade ao aplicar, não reaplicar no tempo correto, o baixo FPS são o que torna o filtro solar tópico pouco confiável.
Assim, pesquisadores procuraram encontrar opções que de forma sistêmica pudessem complementar os fotoprotetores tópicos já existentes afim de um completo tratamento e prevenção das doenças provocadas pelo sol. Já que os fotoprotetores orais atuam a nível celular ou molecular após a incidência da radiação solar na pele reduzindo assim os dos danos gerados.
 
 
 
 

 

Hoje em dia existe vários fotoprotetores oral no mercado, procure seu dermatologista para maiores informações e para que ele possa te indicar.